Os Estados Unidos podem vir a registar um milhão de casos de Covid-19 por dia. Quem o diz é Anthony Fauci, chefe do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infeciosas e uma das figuras mais respeitadas nos Estados Unidos durante a pandemia.

O especialista afirma que este cenário está em cima da mesa, sobretudo se os norte-americanos não começarem a seguir as recomendações das autoridades de saúde.

A afirmação foi feita em pleno Senado dos Estados Unidos, perante os mais altos representantes políticos do país, numa sessão sobre a reabertura das escolas e dos locais de trabalho.

Apesar de referir que é difícil fazer previsões eficazes, Anthony Fauci acredita que a situação se pode tornar "muito perturbadora".

Agora temos mais de 40 mil casos por dia. Não ficaria surpreendido se o valor subisse aos 100 mil por dia. Estou muito preocupado", vincou.

Apesar de muitas áreas dos Estados Unidos conseguirem controlar o surgimento de novos surtos, outros locais apresentam mais dificuldades em diminuir os contágios diários. É o caso de estados sulistas como o Texas ou a Florida, que têm, de forma sucessiva, apresentado recordes diários negativos.

Para Anthony Fauci, esses estados estão a colocar todo o país em risco, mencionando ainda alguns vídeos em que vários populares aparecem em ajuntamentos sem cumprirem as regras de segurança recomendadas.

Segundo a Universidade John Hopkins, os Estados Unidos contabilizam mais de 2,6 milhões de doentes confirmados com o novo coronavírus, dos quais mais de 127 mil resultaram em mortes.

António Guimarães