Dezenas de sem-abrigo de Las Vegas, Estados Unidos, foram colocados a dormir em rectângulos pintados no chão de um parque de estacionamento ao ar livre. A medida, implementada depois de um centro de abrigo ter encerrado devido à confirmação de um caso de Covid-19, está a gerar muitas críticas.

As imagens que mostram os sem-abrigo a dormir ao ar livre nestes rectângulos (delimitados para que possam manter uma certa distância social), estão a causar grande indignação nas redes sociais. Muitos utilizadores defenderam que os sem-abrigo deviam ter sido colocados em hotéis com quartos disponíveis.

Em Las Vegas, os sem-abrigo estão a dormir no chão de um parque perto de hotéis com quartos vazios", escreveu a cantora Alyssa Milano no Twitter. 

Nevada, um estado de um dos países mais ricos do mundo, pintou caixas distantes no chão de cimento de um parque para os sem-abrigo", disse outra utilizadora. 

Las Vegas está a pôr os sem abrigo em parques de estacionamento quando os hotéis estão vazios. Pela mesma razão esta fotografia resume para o que está de mal neste país e na respota à Covid-19", lê-se noutra publicação.

O abrigo gerido pela fundação Catholic Charities acolhe cerca de 500 pessoas em Las Vegas. Mas, na semana passada, viu confirmado o primeiro caso de infeção devido ao novo coronavírus: um homem que ali encontrava refúgio. Foi por causa dessa notícia que o abrigo teve de encerrar. 

As autoridades municipais de Las Vegas afirmaram que o parque de estacionamento foi a resposta a uma "situação de emergência".

Os responsáveis disseram ainda que a razão pela qual os sem-abrigo não foram colocados numa pavilhão desportivo ou noutra infraestrutura similar foi porque esses espaços estão a ser guardados para quando houver uma saturação dos hospitais. 

O porta-voz da autarquia, Jace Radke, sublinhou ainda que a medida tem um carácter temporário, até sexta-feira, dia em que o abrigo deverá reabrir novamente.

Segundo a Associated Press, os oficiais não colocaram, no entanto, a hipótese de os sem-abrigo ficarem nos hotéis que têm agora muitos quartos vazios ou mesmo nos famosos casinos de Las Vegas que estão fechados desde que o governador Steve Sisolak proibiu todas as atividades nestes estabelecimentos.

Há cerca de 5.500 sem-abrigo em Las Vegas, uma área metropolitana com cerca de 2,3 milhões de pessoas. 

A pandemia de Covid-19 já matou mais de 3.400 pessoas nos EUA, o que supera as 3.305 mortes registadas na China.

Sofia Santana