Elon Musk perguntou aos seus 62,5 milhões de seguidores no Twitter se deveria vender 10% das suas ações da Tesla. 

“Fala-se muito ultimamente de ganhos não realizados serem um meio de evasão fiscal, então eu proponho vender 10% de minhas ações da Tesla”, escreveu Musk referindo-se a um “imposto para bilionários” proposto pelos democratas no Senado dos EUA.

Musk garantiu que aceitaria os resultados da sondagem. Em apenas uma hora recebeu mais de 700 mil respostas. Este domingo de manhã, com mais de 2,7 milhões de votantes, mais de 56% dos seguidores aprovam a proposta de vender as ações.

A participação de Musk na Tesla chega a cerca de 170,5 milhões de ações em 30 de junho e a venda de 10% de suas ações equivaleria a cerca de 21 mil milhões de dólares de acordo com a Reuters.

Os analistas sublinham, no entanto, que ele poderá ter que se desfazer de muitas ações de qualquer maneira para pagar impostos, já que um grande número de opções irá expirar no próximo ano.

Os comentários de Musk vêm após a proposta do Congresso de tributar os ativos dos bilionários para ajudar a pagar a agenda social e de mudança climática de Joe Biden. Musk é uma das pessoas mais ricas do mundo e proprietário de empresas como a SpaceX e a Neuralink. E foi também um dos que criticaram publicamente o imposto.

Musk criticou a proposta que afetaria 700 bilionários e imporia impostos para ganhos de capital de longo prazo sobre ativos negociáveis, tenham eles sido vendidos ou não. 

Redação / MJC