O vídeo de um borrego a ser atirado de um helicóptero para dentro de uma piscina numa casa de luxo em Punta del Este, no Uruguai, tornou-se viral nas redes sociais e um pesadelo para o proprietário da habitação, um empresário argentino.

Federico Álvarez Castillo repudia a "brincadeira de muito mau gosto", que considera mesmo ser "um ato de vandalismo do qual foi vítima", porém, está a ser acusado nas redes sociais de maus-tratos a animais, uma vez que o vídeo foi filmado no jardim da propriedade.

Nas imagens vê-se um helicóptero a sobrevoar a casa e a lançar o animal, que inicialmente se pensava ser um porco, sobre a piscina. A queda foi filmada desde o solo e no vídeo é possível ouvir risos.

Federico Álvarez Castillo diz que estava dentro de casa, com a mulher, quando tudo aconteceu e que, inclusive, o casal assustou-se com o estrondo produzido.

Do interior da piscina retiraram um borrego, que já estaria morto, uma vez que não tinha pele.

Não se sabe se o caso está a ser investigado pela polícia uruguaia, mas o empresário argentino esclareceu, através de uma publicação no Instagram, que está "a trabalhar para que tudo seja esclarecido o mais rápido possível".

/ CM