O filme “The Square” do sueco Ruben Östlund venceu hoje a Palma de Ouro do 70º Festival de Cannes, anunciou o júri presidido pelo cineasta espanhol Pedro Almodóvar.

Pela primeira vez em competição, o realizador de "Snow Therapy" – Prémio do júri 2014 na secção “Un certain regard” – coloca neste filme um olhar dissonante sobre as hipocrisias e interroga-se sobre o designado “viver em conjunto” das nossas sociedades.

Uma cena em torno de um preservativo, um selvagem que semeia o pânico num jantar da sociedade, uma conferência de imprensa que transforma o obsceno: o filme sueco "The Square” troça do mundo da arte e fez rir em voz alta o Festival de cinema de Cannes.

No filme de Ruben Östlund, nada acontece como planeado para o herói, Christian (o dinamarquês ator Claes Bang), curador de um museu de arte contemporânea, que está a preparar uma exposição sobre a tolerância e a solidariedade.

No meio da performance, um quadrado de 4 metros por 4 (The Square), "Santuário da confiança e da boa vontade", onde os visitantes deveriam esses valores. Lá fora, na vida real, dois mundos, o de classe alta e culta e o dos imigrantes, dos ciganos e dos sem-abrigo, evoluindo em paralelo.

Nesta 70ª edição do Festival, a atriz alemã Diane Kruger venceu o prémio de interpretação feminina, pelo seu primeiro grande papel numa produção alemã, em “In The Fade”, do realizador Fatih Akin.

O filme "120 battements par minute", do francês Robin Campillo, ganhou o Grande Prémio do Júri.

Já o ator norte-americano Joaquin Phoenix recebeu o prémio de interpretação masculino pelo seu papel em “You Were Never Really Here”.

À realizadora norte-americana Sofia Coppola, 46 anos, foi entregue o prémio de melhor direção, por "The Beguiled," o seu ‘remake’ do drama “Civil War” de 1971.

O júri atribuiu ainda um prémio especial do “70º aniversário do Festival de Cannes” à atriz norte-americana Nicole Kidman, um galardão atribuído especialmente nesta edição pelo júri presidido por Almodóvar.

Aos 49 anos, Nicole Kidman esteve omnipresente nesta edição do festival, com três filmes e uma série em seleção oficial, incluindo duas longas-metragens em competição.