Leia também:Conheça as novas caricaturas do «Charlie Hebdo»

Veja ainda:
«Charlie Hebdo» esgota em Portugal