Cerca de 50 mil pessoas estão em fuga no Sudão do Sul, segundo dados revelados pelas Nações Unidas e citados pela Reuters.

Esta segunda-feira, cerca de seis mil homens armados da tribo Lou Nuer atacaram a cidade de Pibor e colocaram em fuga dezenas de milhares de pessoas.

«Estamos preocupados com as suas condições. Estão sem água, abrigo ou comida. Estão escondidos nos arbustos. Serão entre 20 a 50 mil pessoas», afirmou uma funcionária da ONU, Lise Grande.

As forças armadas do Sudão do Sul estão a dirigir-se para Pibor para travar os confrontos.

Este é o culminar de vários dias de violência entre as tribos Lou Nuer e Murle.
Redação / CP