Kelsey Dunlap e Jacob Young, dois enfermeiros de urgências da Geórgia, conheceram-se no meio de um campo de batalha contra a pandemia da covid-19. Aquilo que parecia ser apenas camaradagem entre dois colegas, rapidamente se transformou em amor.

Jacob estava finalmente preparado para dar o grande passo, pedir a mulher da sua vida em casamento, e não havia melhor lugar do que o topo do local onde os dois trabalhavam.

Kelsey, em serviço, preparava-se para entrar no helicóptero de urgências quando se virou. Não conseguiu conter a emoção assim viu o seu namorado ajoelhado, no heliporto do hospital, com um anel na mão.

Fiquei completamente chocada e não sou uma rapariga fácil de ser surpreendida”, conta a jovem em entrevista à CNN.

 

Ela achava que eu estava a trabalhar o tempo todo”, continua Jacob. “Tive de fugir sorrateiramente para chegar ao heliporto”.

Parece simples, mas colocar o plano em prática não foi tarefa fácil. Foram necessárias mais três enfermeiras e “duas ou três pessoas da equipa de gestão” para levar Kelsey ao local, no momento pretendido.

Mesmo num período tão difícil acabamos por nos sentir praticamente invencíveis a este ponto” remata a noiva.

Sofia Marvão