Ryan Fischer, o cuidador dos cães de Lady Gaga teve de remover parte do pulmão, após algumas complicações decorrentes do ataque que sofreu quando os animais da cantora foram roubados, em fevereiro.

“Comecei a aceitar que a minha recuperação é tudo menos uma linha contínua”, escreveu Ryan Fischer numa publicação no Instagram.

Ryan, de 30 anos, foi alvejado no peito e por isso teve de ficar tanto tempo internado.

Agora, nas redes sociais, Fischer partilhou um testemunho da sua recuperação, descrevendo-a três fases: "sangrar no passeio", "internado nas urgências" e "à espera que o meu pulmão sare para poder ir para casa".

Houve vários enfermeiros e médicos que me disseram que pensavam que eu não iria sobreviver", disse ainda.

Lara Ferin