O primeiro-ministro israelita Benjamin Netanyahu anunciou que pediu esta terça-feira o levantamento de imunidade ao Parlamento, uma hora antes da sessão parlamentar que devia debater a questão.

Eu informei o presidente do Parlamento que retiro a minha imunidade e mais tarde vou acabar com as alegações ridículas sobre mim", disse Netanyahu através de um comunicado.

O primeiro-ministro de Israel está envolvido em três casos de alegada corrupção.

/ CE