Morreu o chefe da máfia Raffaele Cutolo, de 79 anos, segundo avança a imprensa italiana. Fundador da Nova Camorra, o criminoso ficou conhecido pelo caso Cirillo

Raffaele Cutolo estava hospitalizado na enfermaria da prisão de Parma, onde cumpria pena pelos crimes cometidos.

Descrito como um homem de mistérios, conduziu, ao longo dos anos, vários negócios com membros do Estado italiano, nomeadamente para que se libertasse Ciro Cirillo, político raptado em 1981, e que era um dos líderes da região da Campânia, onde fica a cidade de Nápoles.

Depois de o político ter sido libertado, quase três meses depois do rapto, a justiça italiana conduziu uma megaprocesso que acabou na acusação de Raffaele Cutolo e outros 14 arguidos, em 1988.

He is the man of mysteries, the criminal godfather who had conducted the negotiations with pieces of the State and the leaders of the then Christian Democracy so that the Red Brigades would free the then regional councilor Ciro Cirillo , kidnapped on April 27, 1981 and freed on July 24. 1981.

Nascido na cidade de Ottaviano, na província de Nápoles, Raffaele Cutolo acabou por inspirar o filme "Il Camorrista", realizado por Giuseppe Tornatore.

António Guimarães