O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, vai receber na quinta-feira a primeira-ministra britânica, Theresa May, anunciou esta terça-feira o porta-voz do executivo comunitário.

Sei que muitos de vocês estavam ansiosos por ouvir a confirmação da data, por isso registem-na: na quinta-feira, o presidente Juncker irá receber a primeira-ministra Theresa May aqui no Berlaymont”, declarou Margaritis Schinas na conferência de imprensa diária da Comissão Europeia, em Bruxelas.

A deslocação de Theresa May a Bruxelas será a primeira desde que o parlamento britânico aprovou, em 29 de janeiro, uma proposta que preconiza a substituição do "backstop" inscrito no acordo de saída do Reino Unido da União Europeia (UE) por “disposições alternativas”, com vista à ratificação daquele texto pela Câmara dos Comuns.

No entanto, a UE respondeu com rapidez, e sem vacilar, às decisões do parlamento britânico e à intenção de renegociação do acordo: e a resposta é “não”. Não há possibilidade de voltar a negociar as condições do Brexit.

Em causa, está o mandato que os deputados deram a Theresa May para mudar a cláusula conhecida como "backstop", uma medida para impedir o reerguer de uma fronteira física entre as irlandas.