Foi libertado o antigo presidente do Fundo Soberano de Angola, José Filomeno dos Santos. O filho do ex-presidente angolano José Eduardo dos Santos estava em prisão preventiva desde 24 de setembro de 2018.

A informação foi confirmada à Lusa por fonte da Procuradoria-Geral da República de Angola e dos Serviços Penitenciários, mas ambas não souberam avançar as condições da sua restituição à liberdade.

José Filomeno dos Santos estava detido sob a acusação de má gestão do Fundo Soberano de Angola, que dirigiu entre 2012, nomeado para o cargo pelo seu pai, e 2018.

Nessa altura, foi exonerado das funções pelo atual chefe de Estado angolano, João Lourenço.

As suspeitas que levaram à detenção têm que ver com o alegado envolvimento numa transferência ilícita de 500 milhões de dólares e pela gestão no fundo soberano.

O  antigo homem forte do Fundo Soberano estava acusado pela justiça dos crimes de associação criminosa, falsificação, tráfico de influências, burla, peculato e branqueamento de capitais.