O número de mortos nos combates desta sexta-feira na cidade líbia de Misurata, entre forças rebeldes e leais a Muammar, Khadafi subiu para 31.

De acordo com a agência Reuters, este número foi avançado por um médico do hospital Hekma, situado na cidade controlada pelos opositores do regime.

Este médico salientou que, além dos mortos, há ainda 110 pessoas que ficaram feridas nos confrontos que se desenrolaram nas aforas de Misurata.