Debbie Geddes nem queria acreditar no que tinha acabado de pescar: um peixe com duas bocas. A pescadora norte-americana estava no Lago Camplain quando apanhou o peixe fora do comum. 

"Quando este peixe mordeu senti que tinha um peixe bom. Até comentei «espero que seja tão grande quanto parece». Quando o puxei para o barco não acreditei no que via. Duas bocas e ainda assim o peixe era saudável e viável. Espetacular. Tirámos umas fotos rapidamente e devolvemos o peixe ao lago", contou Debbie Geddes à Fox News.

A imagem da pescaria foi divulgada no Facebook da Knotty Boys Fishing, uma equipa de pesca, e já tem quase sete mil partilhas.

"As teorias/respostas são muito interessantes", conta Geddes.

Vários biólogos comentaram a fotografia no Facebook e a maioria concorda que as duas bocas do peixe se devem tratar de uma "deformação".

"Falando como biólogo, claramente o istmo abaixo da mandíbula inferior foi rasgado numa fase inicial da vida (provavelmente algum tipo de lesão relacionada com a pesca) e foi curado", considerou um dos utilizadores.