A Marinha ucraniana diz que as forças especiais russas apreenderam três de seus navios, na costa da Crimeia, no Mar Negro. Dois marinheiros ucranianos foram feridos no incidente, avança a Reuters.

As acusações ucranianas de que a Rússia tinha aberto fogo sobre os seus navios, surge dias depois de Moscovo ter acusado a Ucrânia de entrar ilegalmente nas águas russas, no estreito de Kerch, no Mar de Azov.

Os russos colocaram um navio de carga debaixo da ponte no estreito de Kerch, o único acesso ao Mar de Azov, cuja jurisdição pertence aos dois países. Assim, os navios ucranianos ficam impedidos de passar. 

Navio cargueiro russo posicionado no estreito de Kerch. (REUTERS/Pavel Rebrov)

O presidente Petro Poroshenko convocou uma reunião do seu gabinete militar para discutir a situação.

A tensão entre entre Moscovo e Kiev cresceu nas últimas semanas, por causa da questão da Crimeia, anexada pela Rússia, em 2014.