A pressão no sistema de gás natural que provocou uma série de explosões e incêndios, atingindo várias casas em Massachusetts na semana passada, era doze vezes maior do que deveria ser na realidade.

Esta informação está numa carta de senadores norte-americanos enviada para os responsáveis da Columbia Gas - a companhia que serve as comunidades de Lawrence, Andover e North Andover - e para a NiSourece, a empresa que fiscaliza a Columbia Gas.

Os senadores democratas pelo Massachusetts, Elizabeth Warren e Edward Markey, enviaram a carta, na segunda-feira, questionando as companhias sobre as explosões.

A carta referia que, de acordo com a Administração de Segurança de Dutos e Materiais Perigosos, "a pressão no sistema deveria ter cerca de 0,5 libras por polegada quadrada (PSI), mas as leituras na área atingiram pelo menos seis PSI".

As explosões e os incêndios que atingiram residências em Lawrence, Andover e North Andover, em Massachusetts, mataram uma pessoa e deixaram ainda feridas mais de duas dezenas.