Um ciclone e a passagem de tempestades no estado de Santa Catarina no Brasil provocou a morte a pelo menos três pessoas e causou vários estragos e quedas de árvores, adiantaram fontes policiais.

O mau tempo que se fez sentir naquela região na terça-feira causou a morte a pelo menos três pessoas, segundo os 'media' locais que citam fontes dos bombeiros e da Proteção Civil.

Naquela região, no município de Chapecó, uma idosa morreu após ser atingida por uma árvore.

Já em Santo Amaro da Imperatriz, em Florianópolis, um homem morreu depois de ter sido atingido por fios elétricos após a queda de uma árvore.

A terceira vítima mortal aconteceu em Tijucas, também em Florianópolis, após a queda de uma estrutura.

O estado brasileiro de Santa Catarina foi fustigado pela formação de um fenómeno meteorológico conhecido como ‘ciclone-bomba’, bem como pela passagem de tempestades.

Os ventos fortes com rajadas superiores a 100 km/h também se fizeram sentir, causando o levantamento de telhados em várias casas e também a queda de árvores.

O mau tempo afetou ainda as Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc), deixando durante a tarde mais de 1,5 milhões de consumidores sem energia elétrica.

/ BC