As sondagens em Espanha voltam a não dar uma maioria absoluta nem para o PSOE nem para a direita.

Miguel Sousa Tavares analisou o cenário pré-eleitoral, em que o PSOE parecer cair em relação às últimas eleições, tal como a extrema-esquerda do Unidas Podemos e o Cidadãos cai a pique.

Governo estável e maioritário em Espanha? Pode esperar sentado”, reiterou Miguel Sousa Tavares.

No espetro oposto, o Partido Popular e o Vox parecem estar a conquistar cada vez mais eleitores, de acordo com as sondagens.

Miguel Sousa Tavares realçou a importância da situação da Catalunha para a mudança de opinião do eleitorado espanhol.

Ainda assim, o comentador explica que seja qual for o resultado das eleições o cenário catalão vai manter-se.