Um incêndio numa escola em Monróvia, capital da Libéria, resultou na morte de pelo menos 30 crianças, segundo avança a Reuters.

De acordo com a BBC, o fogo terá deflagrado nas primeiras horas da manhã, enquanto os alunos dormiam, num edifício junto à mesquita.

O número de vítimas mortais pode aumentar, uma vez que as autoridades continuam à procura de corpos entre os destroços do edifício. Inicialmente tinha sido noticiado que o fogo teria vitimado 23 crianças.

O presidente da Libéria, George Weah, numa publicação na rede social twitter, prestou condolências às famílias destas crianças: “É uma altura complicada para as famílias das vítimas e toda a Libéria. As mais profundas condolências aos enlutados”.

As causas do incêndio ainda estão por apurar, mas as autoridades apontam para uma falha no sistema elétrico. 

O porta-voz da Presidência, Isaac Solo Kelgbeh, anunciou que o Presidente da Libéria, George Weah, visitou o local e irá estar presente no funeral das vítimas, que decorrerá numa mesquita em Monróvia.