Não é todos os dias que se comem tacos no espaço, muito menos quando alguns dos produtos usados na confeção tenham sido cultivados em órbita.

A experiência na Estação Espacial Internacional (EEI), denominada Plant Habitat-04, pretende testar quais os alimentos que melhor crescem no espaço. O fruto usado, a pimenta-chili, constituiu um desafio maior face às experiências anteriores, dado que cresce muito mais lentamente que os produtos até agora ensaiados, como alface e rabanetes.

A astronauta da NASA Megan McArthur publicou no Twitter fotografias do momento, onde considera estes “tacos espaciais” como os “melhores até ao momento”.

Algumas das pimentas colhidas serão trazidas de volta para a Terra, para análises complementares. Os membros da SpaceX Crew-3, que irá para a EEI ainda este mês, ficarão encarregues da segunda colheita destes alimentos.

Esta experiência pode ter grandes repercussões na alimentação dos astronautas, até agora bastante limitada a rações pré-feitas, que perdem o valor nutricional com o tempo. Até agora, desde 2015, os astronautas da EEI conseguiram crescer com sucesso dez culturas.

Crescer vegetais coloridos no espaço pode ter benefícios a longo prazo para a saúde física e mental. Estamos a descobrir que cultivar frutas e vegetais no espaço pode ter impactos no bem-estar dos astronautas”, afirmou Matt Romeyn, líder da investigação, em comunicado no site da NASA.

Pedro Falardo