A onda de calor que se faz sentir no Norte da Índia já fez mais de 60 vítimas mortais, 49 das quais faleceram no sábado. Mais de quatro dezenas de pessoas estão hospitalizadas por causa das elevadas temperaturas que assolam o país há duas semanas.

Há vários dias que os termómetros ultrapassam os 45 graus. As máximas chegaram mesmo a passar a fasquia dos 50 graus, de acordo com o The Guardian.

As vítimas viviam numa região em seca acentuada há várias semanas. A maioria tinha mais de 50 anos e quando foi hospitalizada apresentava febre alta, diarreia e vómitos.

Este número vem juntar-se às vítimas mortais registadas na terça-feira passada. Quatro passageiros de comboio morreram devido ao calor extremo e à falta de ar condicionado nas carruagens das classes mais baratas.

Em 2015, uma outra vaga de calor causou mais de 3 mil e 500 mortos na índia e no Paquistão.

/ SL