A câmara de Blumenau, um município em Santa Catarina, no Brasil, descobriu que o nome de uma mulher que morreu em 2018 está entre as pessoas que receberam a vacina contra a covid-19 na cidade. 

De imediato, segundo a CNN, as autoridades abriram investigação para apurar o caso e entender se alguém se fez passar por ela para passar à frente no processo de vacinação, ou se apenas se trata de um erro informático. 

O Ministério Público de Santa Catarina também vai investigar o que aconteceu.

Caso descubram que alguém agiu de má fé, esta pessoa será punida e responsabilizada", enalteceram as autoridades.

A vacinação, neste caso específico, aconteceu numa altura em que profissionais de saúde foram até casas de apoio e lares da cidade vacinar os cidadãos em domicílio. 

Lara Ferin