Nos Estados Unidos, o país mais atingido pelo novo coronavírus, uma terceira vacina contra a covid-19 entrou na terceira fase de testes.

Trata-se da vacina da farmacêutica britânica AstraZeneca, a AZD 1222, que se tornou a terceira vacina a entrar em testes em larga escala no país, depois das vacinas feitas pela Moderna e Pfizer/BioNTech.

Em comunicado, a AstraZeneca anunciou que está a “recrutar até 30 mil adultos com 18 anos ou mais de diversos grupos raciais, étnicos e geográficos, que são saudáveis ou têm condições médicas estáveis, incluindo aqueles que vivem com o HIV e os que correm um maior risco de infeção pelo novo coronavírus” nos Estados Unidos.

Os participantes da fase 3 dos testes receberão duas doses ativas da vacina ou de placebo, com intervalo de duas semanas.

De acordo com os dados mais recentes, mais de 25 milhões de pessoas já foram infetadas pelo novo coronavírus em todo o mundo.

Os países com maior número de infetados são os Estados Unidos, seguidos do Brasil, Índia, Rússia e Peru.

Lara Ferin