Pelo menos 14 pessoas da mesma família morreram e três outras ficaram feridas na sequência de um raio durante a trovoada que atingiu as montanhas do noroeste do Paquistão, informaram hoje as autoridades locais.

O incidente ocorreu no distrito de Torghar, na província de Khyber Pakhtunkhwa, fustigado desde quarta-feira por chuvas torrenciais e por deslizamentos de terra. 

“Pelo menos 14 pessoas da mesma família foram mortas depois de um raio ter atingido duas casas geminadas”, indicou Kamran Bangash, porta-voz da província, citado pela agência noticiosa France-Presse (AFP), salientando que entre as vítimas estão cinco crianças e quatro mulheres.

O gabinete do líder do governo provincial, contactado pela AFP, confirmou o balanço.

As monções, que duram de junho a setembro, são essenciais para irrigar as plantações e encher as reservas de água do subcontinente indiano. 

No entanto, a cada ano, as precipitações violentas provocam um número elevado de mortes e semeiam a destruição.

/ CM