É histórico, a oposição turca conseguiu vencer o AKP na maior cidade turca e na capital do país. Os resultados das eleições locais, que se realizaram no domingo, foram conhecidos na manhã desta segunda-feira. 

O Partido Republicano do Povo (CHP), principal partido da oposição a Erdogan, conseguiu retirar o AKP do poder em Instambul, que governava desde 2001, e em Ancara, capital em que estavam no poder desde 1994. 

O AKP teve a maioria dos votos (51%), no total das votações em todo país, mesmo assim este resultado enfraquece o regime de Erdogan. A Turquia enfrenta uma crise económica, com uma recessão nos últimos três meses de 2018 e a consequente desvalorização da lira. 

Dos mais de 57 milhões de eleitores chamados às urnas votaram 85%. 

Resultados e reações

Em Ancara, Mansur Yavas ganhou com 51% dos votos, ficando Mehmet Ozhaseki, do AKP, na segunda posição com 47%. Em Istambul a diferença foi de apenas 28 mil votos, o que levou o AKP, que governava a região desde 1994, a pedir uma recontagem dos votos. 

Kemal Kilicdaroglu, líder do CHP, defendeu que este é um resultado que pede "uma viragem do país rumo à democracia".

As pessoas votaram a favor da democracia, escolheram a democracia", disse Kemal Kilicdaroglu.

Recorde-se que as eleições nacionais da Turquia estão agendadas para 2023.