Foi exatamente destes locais que os administradores retiraram as imagens sem autorização e as inseriram no site, numa galeria de menores em posições mais «picantes», acompanhadas de «comentários de pedofilia explícitos».