Um youtuber brasileiro foi preso depois de raptar e chantagear um amigo seu e a sua mãe. Segundo a Polícia Civil do Distrito Federal, escreve a CNN Brasil, o indivíduo – cuja identidade não foi revelada – planeou tudo com outras três pessoas.

A polícia informou ainda que o indivíduo em causa é popular por ter um canal de automobilismo com milhares de seguidores no Youtube. Desta maneira, usou a sua influência e a sua proximidade com a família do amigo – que é um empresário e também um entusiasta de automóveis – para tentar obter informações acerca de um património localizado em Brasília.

As autoridades afirmaram que o grupo detinha um “alto nível de profissionalismo e de conhecimentos técnicos”, mas apesar disso, conseguiu deter três dos autores dos crimes.

O quarto suspeito, que também já foi identificado, será preso em breve, afirmou a polícia.

Vítimas ficaram às mãos dos raptores

De acordo com os detalhes da polícia, segundo a CNN Brasil, o plano consistia em raptar a mãe e o filho e forçar um deles a fazer o pagamento do resgate para a libertação do outro.

A família estava a vender o património e, depois de um falso agente imobiliário ter ido ao local, a mãe e o filho foram raptados, em São Sebastião.

Depois de cerca de 11 horas de sequestro, um deles foi libertado e a polícia teve conhecimento do caso. Apesar de a família ter saído do país, decidiu colaborar com as investigações.

Lara Ferin