Uma serpente perdida em Cambridge, no Reino Unido, obrigou as autoridades a lançaram uma série de buscas no início desta semana. O animal, píton-reticulada, é uma verdadeira ameaça e foi inicialmente vista perto de Lovell Road, no domingo.

Esta píton é uma espécie de cobra especialmente encontrada no Sudeste da Ásia e diz respeito à maior atualmente existente no mundo, das mais longas e uma das três mais pesadas já encontradas.

De acordo com os relatos dados à polícia, escreve a Fox News, a cobra, que ainda não foi descoberta, tem cerca de 2.74 metros e consegue atacar e comer um humano adulto em poucas horas.

As autoridades já conseguiram localizar o dono do animal, mas ainda não se conhece o paradeiro do réptil. A polícia de Cambridgeshire partilhou no Twitter que a cobra com “três metros” foi vista nas redondezas.

Às primeiras horas desta manhã, os agentes foram chamados a Lovell Rd, Cambridge. Há relatos de uma cobra de três metros na zona”.

Estas cobras podem chegar a ter 9.60 metros, de acordo com a Encyclopedia Britannica. Diz a mesma publicação que não são venenosas, mas matam as presas enrolando-se nelas e espremendo-as.

Embora não haja muitos relatos de ataques a humanos, nos últimos anos têm sido mais frequentes na Indonésia, sobretudo.

Em 2018, por exemplo, foi encontrado o corpo de uma mulher de 54 anos dentro de uma píton-reticulada de 7 metros. De acordo com a BBC, a mulher tinha sido dada como desaparecida depois de ter estado no jardim de casa.

João Ferreira Pelarigo