Vinte e seis esqueletos humanos, com cerca de 3 mil anos de idade, foram encontrados durante trabalhos de escavação para obras de saneamento, no Reino Unido, avança a BBC.

A descoberta, que os especialistas acreditam ser da Idade do Ferro e dos períodos romanos, foi feita durante um projeto da companhia britânica de águas e esgotos, no condado de Oxfordshire.

De acordo com a empresa responsável pelas escavações no local, alguns dos restos mortais encontrados podem ter resultado de rituais de sacrifício humano. Isto porque, de acordo com os especialistas, o tipo de covas em que estavam enterrados os esqueletos era normalmente usado para esse efeito.

O arqueólogo Neil Holbrook, chefe executivo da Costwold Archaeology, afirmou, citado pela BBC, que a descoberta é "especialmente fascinante" por permitir ter uma visão das crenças e superstições das pessoas que viviam em Oxfordshire naquela altura.

Juntamente com os restos humanos, os arqueólogos encontraram carcaças de animais e utensílios domésticos, como cerâmicas e ferramentas de corte.