O ensaio clínico da vacina da AstraZeneca contra a covid-19 nos Estados Unidos deverá ser retomado esta semana, após um dos voluntários ter ficado gravemente doente, indicaram fontes à agência Reuters.

O teste da AstraZeneca nos EUA, que já está numa fase avançada, está suspenso desde 6 de setembro, depois de um participante da empresa no Reino Unido ter feito uma reação adversa à vacina, com o que se suspeitava ser uma doença inflamatória rara.

Trata-se de um procedimento de rotina que é aberto sempre que há uma potencial doença inexplicável durante um ensaio, para que possa ser investigado, assegurando a integridade dos ensaios", referiu, na altura, a britânica AstraZeneca.

As fontes, que pediram anonimato, adiantaram que foram informadas que o ensaio pode ser retomado já no final desta semana.

Neste momento está a ser exigido aos investigadores responsáveis pelo ensaio que incluam informações sobre o incidente nos formulários de consentimento que são assinados por todos os voluntários.

Lara Ferin