Uma mulher foi multada por ultrapassar o tempo de estacionamento previsto, depois de tentar salvar um homem que tinha caído inanimado junto ao seu carro, estacionado num parque em Newbury, Inglaterra.

Gemma Hutt, de 38 anos, estava a chegar à sua viatura, quando viu um homem caído, inanimado. A mulher correu em seu auxílio e fez manobras de reanimação até à chegada de uma ambulância.

Mais tarde, para seu espanto, Gemma recebeu uma multa de 100 libras (aproximadamente 110 euros), por exceder em 14 minutos o tempo de estacionamento. A mulher tentou recorrer da decisão, com provas daquilo que tinha acontecido, no entanto, a empresa rejeitou o apelo e obrigou mesmo Gemma a pagar a multa, caso contrário enfrentaria um processo em tribunal.

O senhor colapsou perto das suas câmaras [da empresa de estacionamento], portanto eles devem ter visto o incidente. Foi-me transmitido que o senhor acabou por morrer e eu fiquei muito perturbada com isso”, contou Gemma Hutt à imprensa britânica.

Gemma disse que 110 euros é “muito dinheiro” e que, “nesta altura de Natal”, foi um “duro golpe” para as expectativas dos seus dois filhos, além do próprio acontecimento ter sido perturbador.

Como resultado, agora estou a tomar antidepressivos", assumiu.