Com todos os votos contados, foi o partido de Isabel Díaz Ayuso o grande vencedor das eleições para a Assembleia da Comunidade de Madrid, com 65 deputados eleitos, a apenas quatro da maioria absoluta. 

O Más Madrid (extrema-esquerda) ultrapassou o Partido Socialista (PSOE) em número de votos e há uma baixa na política espanhola. O líder do partido de extrema-esquerda Podemos, Pablo Inglesias, anunciou que vai abandonar a política após derrota da esquerda.

Mas vamos aos resultados. O Partido Popular (PP) venceu as eleições com 65 deputados, mais 35 do que em 2019, e o Vox alcançou 13 assentos. O bloco de direita fica, assim, com 78 deputados (para uma maioria absoluta são precisos 69). Na prática, o PP precisa apenas que o Vox não vote contra.

O Más Madrid e o PSOE elegeram o mesmo número de deputados, mas o partido de Íñigo Errejón superou em número de votos os socialistas e tornou-se a força política mais votada à esquerda. A afluência às urnas foi de 76,25%. 

Esta é a distribuição dos 136 assentos:

  • PP: 65 (1.620.213 votos, 44,73%)
  • Más Madrid (extrema-esquerda): 24 (Más Madrid - 614.660 votos, 16,97%)
  • PSOE: 24 (610.190 votos, 16,85%)
  • Vox (extrema-direita): 13 (330.660 votos, 9,13%)
  • Podemos (extrema-esquerda): 10 (261.010 votos, 7,21%)
  • Ciudadanos fica sem representação (129.216 votos, 3,57%)

Tal como o Ciudadanos, o PSOE é o grande derrotado das eleições, tendo perdido 13 deputados regionais em comparação com a última votação.

Sem maioria absoluta, o PP vai necessitar do apoio do Vox, a quarta força política, para se manter na presidência da comunidade. Santiago Abascal, dirigente do partido de extrema-direita, já fez saber que vai apoiar a posse de Ayuso sem exigir a entrada no governo. Portanto, o trabalho está facilitado. 

Íñigo Errejón, líder do Más Madrid, reagiu aos resultados "magníficos" e assegurou que o partido vai ser "líder da oposição".  

O presidente do governo de Espanha, Pedro Sánchez, já deixou uma palavra de parabéns a Ayuso na rede social Twitter: "As urnas deram a Ayuso um grande resultado e, sobretudo, uma grande responsabilidade. Parabéns"

A comunidade de Madrid, localizada no centro de Espanha e com quase sete milhões de pessoas, é uma das 17 comunidades autónomas, e inclui a cidade capital do país.

Cláudia Évora / Notícia atualizada às 07:00