De fato e gravata, mas com água até aos joelhos. É assim que o secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, surge na capa da próxima edição da revista Time, que vai para as bancas a 24 de junho.

Na revista norte-americana, que esta semana se foca na crise climática, lê-se “Oceanos que sobem, residentes que fogem, vilas que desaparecem, o nosso planeta que afunda”.

A fotografia de Guterres é da autoria de Christopher Gregory e foi captada em Tuvalu, os dos países mais afetados pelas alterações climáticas.

No canto inferior esquerdo da capa surge a legenda da imagem: “O secretário-geral da ONU, António Guterres, na costa de Tuvalu, um dos países mais vulneráveis. Enfrentando o risco de subida do nível do mar, várias ilhas estão a liderar o combate às alterações climáticas”.

A revista partilhou uma animação para promover o próximo número na qual Guterres surge a afundar-se.

O combate às alterações climáticas tem sido uma das bandeiras do mandato de António Guterres desde que assumiu a liderança da ONU, há dois anos. O português tem feito vários apelos à defesa de políticas que travem as mudanças ambientais.

Em maio, o português visitou vários países do Pacífico Sul, como Tuvalu, Vanuatu e Fiji para promover a discussão sobre este tema.

/ SS