Navios da Marinha de Guerra russa no Mediterrâneo dispararam quatro mísseis de cruzeiro contra posições do Estado Islâmico na Síria, disse o Ministério da Defesa da Rússia.

A declaração oficial de Moscovo indica que uma fragata e um submarino lançaram os mísseis contra posições do Estado Islâmico na zona de Palmira.

De acordo com Moscovo os disparos atingiram armamento pesado e combatentes que o Estado Islâmico tinha deslocado para Palmira e que se encontravam em Raqqa, um dos redutos do grupo armado em território sírio.

O ministério russo acrescenta que informou os Estados Unidos, a Turquia e Israel antes do ataque.