Uma embarcação de pesca com seis cadáveres a bordo, presumivelmente oriunda da costa ocidental africana, foi detetada esta segunda-feira ao largo da ilha cabo-verdiana de Santo Antão, disse à Lusa fonte da capitania local.

Em declarações à Lusa, o comandante da Capitania dos Portos do Barlavento, Aguinaldo Lima, explicou que a embarcação foi avistada durante a manhã, ao largo da ilha de Santo Antão, por dois pescadores locais, nas imediações da localidade das Pombas, no município do Paul.

A embarcação foi rebocada para terra e foi chamado o Ministério Público e as autoridades de saúde para levantar os corpos. Estamos a aguardar mais informações”, disse o comandante.

A embarcação, de boca aberta, apresenta a matrícula 37.585 no costado, e coincide, nas suas características, com uma outra, desaparecida, de origem senegalesa, segundo as autoridades marítimas.

Ainda estamos a investigar a situação, mas tudo indica que a embarcação seja originária de um país da costa ocidental africana”, acrescentou Aguinaldo Lima.