Uma epidemia de sarampo em Samoa causou a morte a 81 pessoas desde meados de outubro em Samoa, com as autoridades a darem esta quinta-feira conta da última vítima, uma criança de cinco anos.

De acordo com o jornal Samoa Observer, o ministério da saúde de Samoa, uma nação insular no Oceano Pacífico com menos de 200 mil habitantes, disse que a morte de uma criança com menos de cinco anos foi registada nas últimas 24 horas.

Os menores de cinco anos constituem a faixa etária mais atingida pelo surto.

O ministério afirmou que um total de 5.612 casos de sarampo foram registados pela Equipa de Vigilância de Doenças até o momento.

Atualmente, 43 pessoas encontram-se hospitalizadas, 10 delas em estado crítico.

/ AG