A força especial da polícia da Bangladesh abateu a tiro um homem que tentou sequestrar um avião, no domingo, que fazia a ligação entre Daca, capital do país e o Dubai. O autor ameaçou fazer explodir o avião e tentou entrar à força no cockpit da aeronave. 

A polícia confirmou que o pirata aéreo é Mahmud Polash Ahmed, com 24 anos de idade, que possuía uma arma de brincar, mas não carregava qualquer tipo de explosivos. 

A pistola que o suspeito tinha era um brinquedo e não tinha nenhuma bomba presa ao corpo", afirmou Kusum Dewan, comissário de polícia local.

Foi pouco tempo depois de ter descolado que o piloto do Boeing 737 foi obrigado a aterrar de emergência em Chittagong, no sudeste do país. Os 142 passageiros, que seguiam abordo, conseguiram sair sem ferimentos, mas um dos membros da tripulação ficou refém do pirata.

Mahmud foi abatido depois de se ter recusado entregar às autoridades. Entre os motivos que podem ter levado este homem a sequestrar o avião estão problemas com a mulher.