Pelo menos dez pessoas, incluindo um turista canadiano e quatro polícias, morreram e nove ficaram feridas, este domingo, num ataque na cidade de Karak, na Jordânia. O ataque, perpetrado por homens com armas de fogo, ocorreu num local turístico.

Segundo a BBC, tudo começou com um confronto entre os suspeitos e agentes da polícia numa casa perto de Karak. 

Os suspeitos acabaram por fugir para a cidade, tendo alcançado um castelo medieval onde costumam estar muitos turistas. Aí, disparam contra os agentes da polícia e fugiram para o castelo, fazendo vários reféns, entretanto libertados pelas autoridades.

No terreno, continua uma operação contra os cinco ou seis assaltantes armados que ainda se encontram dentro do edifício. "A polícia e as forças de segurança cercaram o castelo e lançaram uma operação de caça aos homens armados", pode ler-se no comunicado do Departamento de Segurança da Jordânia.

Até ao momento, o ataque não foi reivindicado. 

Redação / SS/AM - Notícia atualizada às 21:16