“O presente caso representa uma nova complicação neurológica de usar calças apertadas”, afirmou o professor Thomas Edmund Kimber, da Universidade de Adelaide, do Sul da Austrália.

Redação / AM