Uma forte tempestade provocou, pelo menos, onze mortos na capital russa, que foi atingida por ventos fortes que derrubaram dezenas de árvores.

Segundo a BBC, além das vítimas mortais, algumas atingidas por quedas de árvores e de outras estruturas, mais de 50 pessoas necessitaram de ajuda médica. Há também indicações de que vários cabos elétricos ficaram danificados.

A cidade de Moscovo sentiu ventos fortes com ocorrência de chuva torrencial e queda de granizo.

Os ventos atingiram uma velocidade de 110 quilómetros por hora e foram descritos, por meteorologistas, como “extremamente raros para a cidade”.

Além das mortes já confirmadas pelas autoridades, a agência de notícias russa TASS dá a indicação de que 69 pessoas ficaram feridas.

Através das redes sociais, várias imagens e vídeos mostram a força do vento que assolou a capital russa.

Sergei Sobyanin, presidente da câmara da capital russa, fez uma publicação no Twitter em que se pode ler, “As minhas condolências às famílias enlutadas”.