A companhia aérea TransAsia, com sede em Taiwan, anunciou nesta segunda-feira o encerramento de todas as suas operações, refere a CNN.

Coube ao presidente da companhia, Vincent Lin, anunciar que a companhia aérea seria dissolvida, sem apresentar causas precisas. Os problemas financeiros decorrentes dos dois acidentes mortais em dois anos serão a principal causa.

Os voos do dia de hoje foram abruptamente interrompidos e, como tal, a TransAsia adiantou que os passageiros poderão solicitar o reembolso das quantias já pagas.

Apesar de não terem sido apresentadas relações diretas entre o enceramento da companhia e os acidentes do ano passado, diversos foram os problemas de segurança que contribuíram para algum descrédito da companhia.

De realçar o caso do avião que destruiu uma ponte e mergulhou no rio, em Taipei. Este acidente causou 43 mortes e foi filmado e visto por todo o mundo.