Greg Ricks, de 31 anos, morreu em setembro do ano passado, num acidente de viação, deixando três filhos, de seis, dez e 11 anos. Greg era divorciado e a mãe, Anna Ricks, é que teve de assumir o consentimento da doação dos seus órgãos.

O coração foi transplantado num homem de 47 anos, residente nos Estados Unidos. Seis meses depois, Greg Robbins – nome adotado em homenagem ao seu doador -, recebeu uma carta da mãe de Greg Ricks, a contar a história do filho.

Em gesto de gratidão, Greg Robbins visitou Anna Ricks no dia 21 de maio, Dia da Mãe, nos Estados Unidos, para lhe entregar um presente original: o som do coração do seu filho.

O momento emocionante foi captado e partilhado nas redes sociais. O vídeo dura apenas 30 segundos e mostra o momento em que Anna Ricks não contém as lágrimas depois de ouvir os batimentos do coração do filho.

"Greg Ricks e a sua mãe, Anna, são os meus heróis", escreveu a esposa de Greg Robbins na descrição do vídeo postado nas redes sociais.