Um sismo de magnitude 6 na escala de Richter sacudiu esta terça-feira o sul do Japão, sem que tenha sido emitido alerta de tsunami.

O terramoto ocorreu a uma profundidade de dez quilómetros ao largo da pequena ilha de Miyako, a sul de Okinawa, segundo o Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS), que monitoriza a atividade sísmica mundial.

As autoridades não reportaram até ao momento a ocorrência de vítimas ou danos materiais.

A Agência Meteorólogica do Japão (JMA) informou, por seu turno, da ocorrência de dois sismos, de magnitude 6,4 e 5, na mesma zona, com epicentro localizado no mar, a cerca de 250 quilómetros de Naha, Okinawa, separados por aproximadamente dez minutos.

O Japão assenta sobre o chamado "Anel de Fogo" do Pacífico, uma das zonas sísmicas mais ativas do mundo, e sofre terramotos com relativa frequência, pelo que as infraestruturas são especialmente desenhadas para aguentar os abalos.

/ AR