Uma imagem amplamente partilhada nas redes sociais está a chocar Itália. Na fotografia é possível ver um cavalo de transporte de turistas morto, caído no chão, perto do Palácio Real de Caserta, na região italiana de Campânia. O animal terá morrido devido ao “calor escaldante” que se faria sentir.

A fotografia tirada por um turista, mostra o cavalo desmaiado, ainda a carregar a carruagem que trazia um grupo de turistas. Os presentes na área descrevem a temperatura no dia como “escaldante”.

Apesar do calor, os cavalos continuam a subir e a descer com carga completa, puxando carroças”, denunciou a Autoridade Nacional de Proteção Animal de Caserta, numa publicação no Facebook. “Um deles não resistiu mais e caiu no chão. Está morto.”

Nicola Campomorto: Reggia di Caserta, poco fa...

Nonostante il caldo, i cavalli continuano a salire e scendere a pieno...

Publicado por Ciò che vedo in città - SMCV em  Quarta-feira, 12 de agosto de 2020

A associação sublinha ainda que, quando fizer uma escolha, “certifique-se de que não está a causar sofrimento a outras pessoas, incluindo animais.”

O corpo do animal foi transportado para um centro especializado onde foi feita a autópsia, que determinou que o animal morreu devido ao esforço de transportar uma carruagem sob altas temperaturas.

É um absurdo que os animais ainda sejam usados para esses fins, mesmo com o conhecimento científico que mostra que os animais sofrem exatamente como nós", afirmou Massimo Pigoni, vice-presidente nacional da Organização Nacional para a Proteção dos Animais.