O governo sírio anunciou a proibição do espaço aéreo a voos de passageiros turcos, a partir das 22:00 deste sábado (hora de Lisboa).

O anúncio foi feito através da agência oficial SANA, que disse apenas que a decisão se enquadra no «princípio da reciprocidade», mas não avançou mais detalhes.

A decisão ocorre três dias depois de a Turquia ter intercetado um avião de passageiros sírio que voava de Moscovo para Damasco e de ter apreendido o «equipamento militar» que seguiria a bordo.
Redação