A Comissão Europeia espera este mês autorização da Agência Europeia do Medicamento (EMA) para começar a imunizar jovens dos 12 aos 15 anos com a vacina da PfizerBioNtech para a covid-19, anunciou esta terça-feira Ursula Von der Leyen.

Esperamos autorização da EMA até ao final do mês para começar a administrar a vacina da PfzerBioNTech a jovens entre os 12 e os 15 anos”, anunciou esta terça-feira, em conferência de imprensa, a presidente da Comissão Europeia.

Este foi o único laboratório que submeteu, para já, um pedido de autorização neste sentido e a resposta será baseada em argumentos científicos, esclareceu.

Von der Leyen salientou ainda que o foco do executivo comunitário continua a ser o combate à pandemia, sublinhando esperar “ter mais de 400 milhões de doses distribuídas em junho” na União Europeia.

A continuar assim, podemos reabrir as nossas sociedades”, acrescentou.

O presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, assinalou, por seu lado, que os Estados-membros estão numa situação de “otimismo prudente”, reiterando que, em meados de junho, as recomendações para as viagens serão revistas à luz do certificado digital covid da UE, de modo a “chegar gradualmente a uma livre circulação no espaço europeu”.

Os líderes da UE reuniram-se na segunda e terça-feira num Conselho Europeu extraordinário - pela primeira vez fisicamente, em Bruxelas, desde dezembro -, com a agenda do segundo dia a ser dedicada à covid-19 e a questões climáticas.

. / NM