O primeiro-ministro, António Costa, e a chanceler germânica, Angela Merkel, assumiram esta segunda-feira como objetivo prioritário "manter um ritmo elevado" na vacinação contra a covid-19 em todos os Estados-membros da União Europeia.

Excelente reunião com a chanceler Angela Merkel para passagem de testemunho entre presidências da União Europeia", escreveu António Costa na sua conta pessoal na rede social Twitter.

A presidência portuguesa da União Europeia, que se prolongará até junho, sucede a seis meses de presidência alemã, quer terminou em 31 de dezembro de 2020.

Sobre esta reunião "de passagem de testemunho" entre os chefes dos governos português e germânico, que se realizou por videoconferência, António Costa escreveu que houve acordo em relação à "importância de manter ritmo elevado da vacinação e de pôr no terreno os instrumentos para a recuperação económica e social".

Na terça-feira, António Costa recebe o presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, para uma reunião de trabalho.

Do programa da visita de Charles Michel, divulgado esta segunda-feira, consta uma reunião de trabalho com o primeiro-ministro português, na qual participam o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros e a secretária de Estado do Assuntos Europeus, Ana Paula Zacarias, e que está agendada para as 15:30, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa.

Está também prevista uma breve visita ao Mosteiro dos Jerónimos, local onde foi assinado o Tratado de Adesão de Portugal à Comunidade Económica Europeia (atual União Europeia), em 1985.

A visita do presidente do Conselho Europeu é o primeiro encontro oficial da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia (UE).

Portugal assumiu a sua quarta presidência do Conselho da UE no dia 01 de janeiro, a qual se estenderá durante o primeiro semestre de 2021, sucedendo à Alemanha e antecedendo a Eslovénia, sob o lema "Tempo de agir: por uma recuperação justa, verde e digital".

/ HCL