Em Espanha, os doentes recuperados da covid-19 vão ter de esperar seis meses para serem vacinados, a contar da data em que contraíram a doença, anunciou a ministra da saúde, nesta quarta-feira.

A medida consta do plano de vacinação e aplica-se a pessoas com menos de 55 anos e sem problemas de saúde graves. A vacinação dos mais velhos e vulneráveis à reinfeção não está em causa, sublinhou Carolina Darias, a nova responsável pela pasta.

Para o governo espanhol, os casos de reinfeção num período de seis meses são "raros", pelo que os recuperados em causa podem aguardar mais tempo pela inoculação.

Até agora, com menos de 55 anos foram vacinados apenas profissionais de saúde.

A medida aplica-se às três vacinas que Espanha adquiriu e está sujeita a revisão científica.

Catarina Machado