Kobe e Vanessa Bryant tinham um acordo em que "nunca voariam num helicóptero juntos". O acordo entre o basquetebolista, que morreu no domingo num acidente de helicóptero, e a mulher foi revelado por uma fonte próxima da família à revista People.

"Ele e a Vanessa tinham um acordo de que nunca voariam de helicóptero juntos", revelou a fonte.

O casal, que estava junto há 20 anos, vivia em Los Angeles e Kobe Bryant usava frequentemente o helicóptero para se deslocar na cidade. 

Numa entrevista a Alex Rodriguez, o antigo jogador dos Los Angeles Lakers explicou que optou por usar este meio de transporte para passar menos tempo no trânsito e passar mais tempo com a família.

"Estava sentado no trânsito e acabei por perder uma peça da escola. Tinha de arranjar uma maneira de conseguir treinar e focar-me no trabalho, mas sem comprometer o tempo com a família. Foi aí que me virei para os helicópteros, para ser capaz de ir e vir [do treino] em 15 minutos".

Kobe e Vanessa Bryant são pais de Natalia, de 17 anos, Bianka, de três, e de Capri, de apenas sete meses. A filha Gianna, de 13 anos, viajava com o pai de helicóptero quando o trágico acidente aconteceu.

Kobe e Vanessa com duas das filhas

Segundo a mesma fonte, Kobe Bryant apenas voava em helicópteros com o piloto Ara Zobayan, que também faleceu no acidente.